Sharing Inspiration - David Bowie

I’ve noticed that I’ve had this blog for a while now and still haven’t shared much about my references. Probably, because there are just too many things influencing me… such as words, simple quotes… that when read in the right time can be so powerful… and there was a particular quote by the great David Bowie, that stood with me for quite a while. 

"Never work for other people... always, always remember that the reason that you initially started working was that there was something inside yourself that you felt, that if you could manifest it in some way, you would understand more about yourself and how you co-exist with the rest of society…"

And I recently found the video of his interview where he talks about it: 

(you can check the full interview HERE)

 

I won’t say he is my favourite singer, but he was clearly one of the greatest and most influential artists of the 20th century (and early 21st as well) and the work he has done throughout his career, certainly had its influence on me, being through his music or his words.

And bellow, as a photographer, my humble homage to this great artist:

  Marlon shot for  KAEOT , styled by Catarina F. Pinto and make up by Lenka

Marlon shot for KAEOT, styled by Catarina F. Pinto and make up by Lenka

Apercebi-me que já tenho este blog há algum tempo e nunca falei muito sobre as minhas referências. Provavelmente, porque são mais que muitas e diversificadas, como por exemplo, palavras, citações... daquelas que quando lidas/ouvidas em determinadas alturas, podem assumir uma importância imensa...  e houve esta citação em particular do David Bowie, que me acompanhou durante muito tempo. (segue-se uma tentativa de tradução para quem não percebeu a versão original em cima)

"Nunca trabalhes para outras pessoas... lembra-te sempre, sempre, de que o motivo pelo qual começaste a trabalhar, foi porque havia algo dentro de ti, que sentiste que se o conseguisses manifestar de alguma forma, conseguirias perceber mais de ti e da forma como co-existes com o resto da sociedade..."

Em cima deixo-vos também o excerto da entrevista onde ele fala sobre isto. 

Resumindo, não posso dizer que seja o meu músico favorito, mas ele foi claramente um dos artistas mais importantes e influenciadores do século 20 (e inícios do século 21 também) e naturalmente que também eu acabei por receber influências dele, tanto através da música, como desta simples entrevista dele há tantos anos atrás...

Neste post, fica também a minha humilde homenagem, enquanto fotógrafo.